Guarda recupera mais de 100 objetos furtados

Guardas municipais do Apoio Tático de Jundiaí estouraram no Jardim São Camilo um local que pode ser o principal ponto de receptação de objetos furtados e roubados em toda a região leste.

Como prometido pelo prefeito Luiz Fernando Machado, as ações da Guarda seriam mais intensas na região, para levar segurança à população.

Mais de 100 itens, entre rodas de carro, fios, bicicletas e, principalmente, equipamentos usados em construção civil como furadeiras, lixadeiras, escadas e até máquina de solda foram apreendidos no local. Também havia televisores e celulares.

Foram necessárias cinco viaturas da Guarda para conseguir transportar todos os objetos, além de uma Saveiro. O local fica próximo à “cracolândia”.

Os GMs Ederson, Marassato, Furlan e Juliana estavam no local averiguando um carro abandonado, que estava sendo depenado por usuários de droga.

O veículo já estava sem as rodas quando os guardas chegaram e os criminosos já haviam fugido. O carro era produto de furto. Enquanto atendiam a essa ocorrência, a central da GM recebeu ligação denunciando o suposto ponto de receptação, um bar, onde os usuários de crack furtam objetos para trocar com pedras.

Os guardas chegaram no bar e encontraram de imediato uma máquina caça-níquel. No bar também havia alguns itens, que o proprietário do bar confessou serem dele. Nos fundos do estabelecimento, em dois “quartinhos”, os GMs encontraram grande quantidade de itens suspeitos, que o proprietário disse não lhe pertencer.

Para carregar tudo o que foi apreendido foi pedido apoio a outras viaturas do Canil, Apoio Tático e patrulhas, além da Saveiro.

Agora a Polícia Civil vai procurar as vítimas para fazer devolução de tudo.

Os guardas também encontraram grande quantidade de cigarros contrabandeados e precisaram ir até a Polícia Federal, em Campinas, para registrar a ocorrência.