DEIC fecha fábrica clandestina de uísque e vodka

Policiais do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) descobriram uma fábrica de falsificação de bebidas alcoólicas. A especialidade era a produção de vodca e uísque. O esquema funcionava em Itatiba. A ação aconteceu na tarde de sexta-feira (04). Duas pessoas acabaram presas.

O esquema foi descoberto por policiais da 1ª Delegacia Divecar (Investigações dobre Roubo e Furto de Veículos).

À princípio a informação era de um possível depósito de mercadorias roubadas. O alvo era uma propriedade no Real Parque Dom Pedro. A ação revelou outra atividade criminosa.

A equipe da 1ª Divecar apreendeu diversos tanques tanques contendo bebidas alcoólicas, garrafas, caixas, etiquetas, rótulos e selos similares a de uma marca famosa de vodca. Os policiais detiveram o casal Marcos Fernando da Silva Bade e Noemhy Sanches Rosa, proprietários da empresa. Eles empregavam dois bolivianos.

O casal foi autuado crime contra relação de contra relação de consumo e falsificação de produtos alimentícios.