Mutirão castra 165 animais na Agapeama

Ao todo, neste sábado (28), 165 animais foram castrados e microchipados gratuitamente em mais um grande mutirão de castração realizado pelo Departamento de Bem-Estar Animal (DEBEA). O atendimento foi feito na EMEB Iraci Ferreira Bueno, com base nos cadastros da Central de Atendimento 156. Até o mês de agosto, mais de 1,8 mil animais haviam sido castrados.

Carolina Camargo levou o cachorro de estimação, Lobo, de 4 anos, para ser castrado. “Ele foi resgatado da rua e ganhou uma casa com família. A castração é uma forma de garantir segurança e saúde para ele”, comentou.

Carlos Cunha levou seu amigo fiel, Negão, de 2 anos, para ser castrado, junto com a outra cachorrinha de estimação da família, a Cristal, de 6 anos. “A atividade oferecida pela Prefeitura é importante para evitar mais animais abandonados nas ruas. Eu contei com a ajuda do vizinho, que inscreveu meus animais no cadastro pela internet”, contou.

Para a diretora do DEBEA, Daniela Araújo Passos, a participação da população foi importante, no entanto, ainda houve registro de faltas. “Das 200 castrações disponibilizadas, forma realizadas 165. As 35 pessoas que não compareceram e não avisaram, acabaram tirando a vaga de outros. A castração é uma medida de saúde para o animal, já que previne algumas doenças e é simples de ser feita. É importante que os proprietários se atentem às orientações sobre alimentação e condições dos animais quando da chamada para a operação e microchipagem”, comenta.

O próximo mutirão está previsto para o bairro do Corrupira, com a realização no mês de dezembro. As solicitações para castração devem ser feitas pelo serviço 156 da Prefeitura de Jundiaí, ou pelo APP Jundiaí. É importante manter os dados de contatos atualizados. A meta do DEBEA para 2019 é realizar 3 mil castrações, ou seja, 25% a mais que o número total, realizado no ano passado (2.434 castrações).