Alunas reencontram professora e merendeira depois de 47 anos

Um grupo de alunas da Escola Estadual do bairro Rio Acima, em Jundiaí, conseguiu pelo Facebook encontrar, depois de 47 anos, a professora que as ensinou a escrever e a merendeira da escola.

Segundo Miriam Picolomini, aos poucos cada uma foi mantendo contato com a outra colega de classe e acharam a professora Neise Albuquerque Machado Lima, que deu aulas por quatro anos no bairro, a partir de 1972.

Curiosamente Neise residia na cidade de Piracicaba e naquela época acordava de madrugada, pegava vários ônibus até chegar em Jundiaí. Eram horas de viagem. As meninas, com 8 anos, se dividiam em duas turmas. A professora chegou a trazer os filhos pequenos para poder as aulas e cumprir a grade curricular do Governo do Estado.

O bairro do Rio Acima fica na zona rural de Jundiaí, distante da cidade. Mas a professora não deixava suas alunas e enfrentava tudo para ensinar, para educar.

Miriam disse que “o tempo passou, crescemos, nos formamos e a encontramos através do Facebook. Foi uma alegria sem fim. Teve até o encontro pessoalmente, com as amigas reunidas”.

Professora Neise, merendeira Primilia Miller, aluna Jacinta Alves Almeida e aluna Miriam Picolomini