Vacina contra sarampo depende da idade

Jundiaí registra apenas um caso confirmado de sarampo na cidade. Situação epidemiológica que não altera o esquema de vacinação determinado pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde. As pessoas nascidas a partir de 1960 devem se atentar para a carteira de vacinação e verificar se possuem as doses determinadas para a imunização contra a doença. Para quem tem até 29 anos é preciso ter o registro de duas doses contra o sarampo. Já quem tem 30 anos ou mais, apenas uma dose é suficiente.

Existem informações erradas que circulam pelas redes sociais e acabam gerando dúvidas entre a população. Para que não sejam pegos com notícias falsas, deve-se buscar orientação e confirmação nos sites oficiais, como do Ministério da Saúde e da própria Prefeitura de Jundiaí.

Em Jundiaí, as doses estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Novas UBSs e Clínica da Família, de segunda a sexta-feira, durante o horário de funcionamento de cada equipamento. As pessoas que não possuem a carteira de vacinação e não sabem se já tomaram as doses necessárias, devem buscar a sua UBS de referência para a imunização. Quem possui a caderneta deve vacinação deve se atentar para as doses já recebidas. Em caso de dúvida, procurar uma UBS.