Mulher é sequestrada por engano

Os guardas municipais Varlei e Santana atenderam nesta quarta-feira (31) ocorrência de um sequestro. A vítima, uma técnica em telecomunicações de 31 anos, foi abordada quando voltava do trabalho, na terça-feira (30), por volta das 16h50.

Ela desceu do fretado da empresa na Estação Ferroviária de Franco da Rocha, quando um indivíduo em um veículo na cor prata a forçou a entrar no carro.

O homem sentou ao lado da vítima no banco traseiro e cobriu o rosto da mulher com um pano, enquanto outro rapaz deu partida no carro.

Segundo a vítima, um longo trecho foi percorrido e, após muito tempo, os indivíduos desceram e a levaram até uma mulher, que disse, furiosa, que eles haviam pegado a pessoa errada.

Mesmo assim, a vítima passou a noite trancada em um quarto e, na manhã desta quarta-feira (31) ela foi colocada novamente no veículo. Após o carro percorrer uma distância curta, foi deixada em um campo de futebol, em Campo Limpo Paulista.

Ao pedir ajuda a moradores da região, foi levada até a Unidade Básica de Saúde do Botujuru, onde a Guarda Municipal acionada a levou até a delegacia para registro da ocorrência.

A técnica em telecomunicações passou as características do homem que a abordou na estação à polícia, bem como a descrição do quarto onde ficou.