Jundiaí investe em alimentação saudável

A Prefeitura de Jundiaí, por meio da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, fechou um Acordo de Cooperação Técnica com o Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), com o objetivo de tornar os hábitos alimentares do Município mais saudável. A assinatura da parceria ocorreu nesta quarta-feira (10).

De acordo com a unidade, 650 comércios varejistas foram auditados a fim de identificar os estabelecimentos comerciais que comercializam alimentos saudáveis segundo as recomendações do Guia Alimentar para a População Brasileira. A ideia é desenvolver, executar e avaliar o impacto de uma proposta de intervenção educativa no ambiente alimentar para apoiar a alimentação adequada e saudável na população pautada no guia.

Com base nos produtos comercializados, os estabelecimentos foram então classificados em três tipos: locais que vendem prioritariamente alimentos in natura e minimamente processados, ingredientes culinários e alimentos processados e estabelecimentos mistos (vendem itens saudáveis e não saudáveis na mesma proporção). Os estabelecimentos do grupo 1 e 2 podem ser considerados boas opções para a população adquirir alimentos, visto que a venda de não-saudáveis nestes espaços é menor em proporção à venda dos alimentos saudáveis.

Segundo a diretora de Abastecimento da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, Verônica Pavan, trata-se do início dos trabalhos que serão realizados por meio da parceria. “Outros estudos serão feitos, inclusive com a participação da Unidade de Gestão da Educação, envolvendo a merenda escolar”, explica. O acordo nasceu da ideia da pesquisadora jundiaiense Mariana Fernandes Fortes, que é aluna do doutorado na USP.