Em tempos digitais, Biblioteca de Jundiaí dobra número de visitantes

Mesmo com as transformações digitais, a Biblioteca Pública Municipal Prof. Nelson Foot só tem a comemorar, tendo praticamente dobrado o número de frequentadores nos últimos dois anos. Para isso, investiu em uma vasta agenda de eventos, que inclui desde palestras sobre diversos temas até sessões de incentivo à leitura para bebês.

Para a supervisora da biblioteca, Camila de Freitas Rosalem, muita gente ainda pode se perguntar para que serve uma biblioteca em tempos de Google. “ Mas nós investimos em um conceito de ‘biblioteca viva’, onde tempos um espaço para trabalho e estudo nos terminais de computador à disposição dos visitantes, um ponto de encontro com amigos e também diversos eventos – enfim, é um espaço onde se pode passar um tempo de qualidade, para leitura e relaxamento, inclusive com as crianças”, afirma.

E os números estão aumentando: em 2017 eram em média 4.500 visitantes ao mês. Em 2018 esse número subiu para 6.500, e este ano a média de visitantes em março/ abril foi de 8.600. “Sem medo de errar, praticamente dobramos o número de visitantes e frequentadores nos últimos dois anos. Temos conseguido atrair um público jovem para o uso dos espaços, que é ainda o grande desafio. E hoje temos programas de incentivo à leitura que motivam empréstimos”, conta Camila.

Não são só os sócios que podem desfrutar da biblioteca: não sócios também podem usar os computadores para trabalhar ou estudar para concursos, por exemplo, no Acessa Jundiaí, ou participar dos eventos. Entre eles estão o Clube de Leitura, realizado uma vez por mês; o Leiturinha em Foco, no primeiro sábado de cada mês, para crianças a partir de 4 anos, e o Lê no Ninho, realizado no segundo sábado de cada mês, que é voltado a bebês a partir de seis meses.

A aposentada Neusa Maria de Moraes também é frequentadora assídua da biblioteca. “Além de emprestar livros, também encontro as amigas aqui e faço novas amizades. Quem vem à biblioteca não vem uma vez só, com certeza vai voltar”, diz.

O acervo da biblioteca conta hoje com cerca de 50 mil livros e é possível emprestar até quatro volumes de cada vez. Ficar sócio é de graça: basta levar o RG e a carteirinha fica pronta na hora. A Biblioteca Municipal fica na Avenida Dr. Cavalcanti, 396 (Complexo Argos). Para saber a programação de eventos basta clicar aqui: https://biblioteca.jundiai.sp.gov.br/