Jovem morre após ser esfaqueado em churrasco

O jovem Ronald dos Santos Melo, de 18 anos, morreu no Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí, vítima de homicídio. Ele estava em um churrasco de encerramento das atividades do “Bar do Pezão”, no bairro do Caxambu, quando houve uma briga e levou facada nas costas.

Ronald teria discutido com o autor do crime, Claudemir Fernandes.

O motivo, segundo depoimento do autor, foi porque a vítima fez “gozação” por ter “perdido” a ex-namorada para Ronald.

Houve confronto e amigos separaram os dois.

Claudemir foi até o carro e pegou uma faca usada no churrasco e desferiu um golpe nas costas da vítima.

Como os frequentadores do bar tentaram bater em Claudemir, ele correu para o matagal e ficou escondido, até a chegada da Polícia Militar.

Populares acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e a Polícia Militar.

Soldados da PM foram os primeiros a chegar e ficaram esperando a viatura com médico socorrista.

A vítima foi levada ao Hospital São Vicente de Paulo, onde recebeu atendimento da equipe de emergência. Porém, neste domingo (07), veio a falecer.

O corpo de Ronald foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí, para necropsia.

Claudemir, autor do homicídio no bairro do Caxambu, em Jundiaí

 

Claudemir foi encaminhado para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista, onde deverá aguardar decisão da Justiça.

Esse foi o segundo homicídio no final de semana, envolvendo brigas em bar. O outro foi em Jarinu. Confira: