Itatiba: escolas recebem materiais para laboratórios de Química

As aulas de Ciências de seis escolas da rede municipal de ensino vão ganhar novos elementos. A empresa Rhodia Solvay realizou a doação de kits de materiais de vidraria e a entrega simbólica aconteceu na EMEB “Profª Eliete Aparecida Sanfins Fusussi”, na tarde de terça-feira (2).

Composto por erlenmeyers, provetas, kitasatos, pipetas e balões volumétricos, os kits também vão integrar os laboratórios de Ciências das EMEBs “Inês Prado”, “Vera Lúcia”, “Luis Pântano”, “Marina Pires”, “Nazareth Barbosa” e a própria “Eliete”.

O prefeito Douglas Augusto Pinheiro de Oliveira, presente no ato, reforçou a importância da parceria com empresas privadas para a gestão municipal. “É de fundamental importância, num momento de crise econômica. Já celebramos algumas parcerias com a Rhodia e com outras empresas; as escolas têm total liberdade para buscar parcerias com a iniciativa privada, para fazer programas diferentes e ajudar a comunidade a sentir que a escola pertence a ela. Não é do prefeito, do secretário, do professor. É da comunidade”, ressaltou.

DA TEORIA PARA A PRÁTICA
As aulas de Ciências já levam os alunos a realizarem atividades lúdicas e a explorarem o ambiente que vivem. Os laboratórios são estruturas especialmente dimensionadas para experiências que reforçam o conceito aprendido em sala de aula.

“Uma série de escolas do Fundamental II tem o laboratório, mas estavam desativados e estamos resgatando seu uso, para tornar as aulas de Química, Biologia e Física, dentro da matéria de Ciências, mais atraentes e interessantes. Começamos esse trabalho desde o ano passado, fortalecendo as formações de Ciências e os kits ajudam a colocar essas ideias na prática”, explicou o Secretário de Educação, Anderson Sanfins.

Já Edson de Almeida, Diretor Industrial da Rhodia Solvey, lembrou a origem da empresa e a importância da integração com a sociedade.

“O grupo Solvay é originalmente químico, cada vez mais trabalhando em fazer com que a química traga benefícios para a humanidade. Nós aqui em Itatiba temos procurado esse tipo de parceria, fomentar a educação e o desenvolvimento da química para quem está na comunidade escolar”, pontuou.

Almeida também comentou sobre as outras parcerias com a Prefeitura, como o prêmio “Químico Nota 10” e o “Baú das Artes”. “Tudo o que a gente puder fazer para contribuir para a comunidade e também para nossos funcionários, que são parte dessa comunidade, é o nosso objetivo. Queremos incentivar não só o lado químico, mas também o voluntariado, auxiliando as ONGs e as escolas”, finalizou.