Campo Limpo: Grupo gestor do CEU ouve comunidade

O presidente do comitê executivo do grupo gestor do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) de Campo Limpo Paulista, Cleverson Neri, se reuniu nesta segunda-feira (1) com pais e alunos do Centro de Arte e Movimento (CEAM) Botujuru.

A ideia foi explicar como funcionará o equipamento público, que fica na Estrada da Bragantina, no São José. O local vai reunir atividades culturais, esportivas, além de diversos programas e ações. O Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) será instalado no espaço. “É importante que possamos mostrar aos moradores de Campo Limpo Paulista que aquele local é deles, independente do bairro em que residem”, comentou Cleverson.

Ele expôs todas as ideias para o funcionamento do CEU e entregou um questionário para que novas opiniões possam ser agregadas ao projeto. De acordo com Cleverson, a gestão é participativa, com 36 pessoas: 12 representantes do poder público, 12 da comunidade e 12 do 3º setor. São seis titulares e seis suplentes em cada grupo,

Na ocasião, o presidente do comitê executivo também mostrou a estrutura do prédio, que tem cinco pavimentos que abrigam pista de skate, equipamentos de ginástica, salas de aula, salas para oficina, biblioteca, cine auditório, e muito mais.

Vale lembrar que o pátio do CEU das Artes já começou a ser ocupado neste sábado (30) com aulas de capoeira realizadas pela equipe do CEAM São José.

MAIS
As reuniões nos CEAMs continuam nesta semana. Nesta terça-feira (2), às 13h é a vez do CEAM São José. Dia 4, 14h, no CEAM Vila Ypê. Dia 5, 10h, no CEAM Monte Alegre. A comunidade de toda a cidade está convidada a participar.

Estiveram no encontro a diretora dos projetos especiais da Secretaria de Educação, Alessandra Andrade, e a diretora do CEAM Botujuru, Vanessa Karina dos Santos Martins.