“Triângulo amoroso” foi a causa da morte de rapaz

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí já sabe que a morte de Jailson Guilhermino, de 28 anos, no bairro do Ivoturucaia, na noite de sábado (23) teve como motivação um triângulo amoroso.

O jovem foi encontrado morto com vários tiros de revólver calibre .38 na rua Luís Leardine.

Populares acionaram o 190 da Polícia Militar e foram destacadas equipes da DIG, com os policiais Gigio e Rafael; do Plantão Policial e da Polícia Científica.

De acordo com o que foi apurado pelos policiais o autor é Antônio Marcos da Silva Tomaz, que está foragido.

Tanto a vítima, Jaílson, quanto Antônio Marcos, estavam tendo um relacionamento amoroso com a mesma mulher.

Antônio teria ido ao local para tirar satisfações com Jaílson e na discussão atirou contra a vítima.

Durante a semana o advogado do autor deverá apresentar o cliente na sede da DIG, no bairro do Anhangabaú.

O delegado Luiz Carlos Duarte também determinou aos policiais Gigio e Rafael que localizem a mulher para que ela preste depoimento na Delegacia.

Jailson Guilhermino tinha 28 anos e foi morto a tiros