Doria diz que trem Intercidades é prioridade

Durante entrega de obras em Indaiatuba, no sábado (23), o governador João Doria confirmou como prioridade de sua gestão a implantação do Trem Intercidades. A empresa Rumo, que administra a malha ferroviária federal informa que entre São Paulo e Campinas não há problemas em inserir trens de passageiros. Mas entre Campinas e Americana já está saturado com o fluxo constante de vagões de cargas. Doria até brincou e disse que a “Rumo vai ter que tomar um rumo”.

Até o final do ano passado o Governo do Estado informava que havia problemas burocráticos em Brasília, que impediam a continuidade do projeto do Trem Intercidades. Mas o ex-presidente Michel Temer acabou concordando e liberando a malha ferroviária federal para utilização do Estado.

Durante a campanha eleitoral João Doria informou ao “Jornal da Região” que um de seus objetivos era conceder as estações ferroviárias para a iniciativa privada, que poderia instalar lojas e lanchonetes nos espaços, tendo um prazo para concessão dos serviços. Dessa forma o Estado economizaria com reformas e manutenções.