Fundo Social abre exposição “Mulheres que Lutam” em Itatiba

O Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura de Itatiba lançou a exposição “Mulheres que Lutam”, no Museu “Padre Lima”. Por meio de fotografias, a mostra faz homenagem às mulheres que fazem parte e representam as entidades assistenciais de Itatiba, em especial, fazendo memória à Dona Irene Fumach, que em vida trabalhou e lutou pela melhor idade, entre tantas outras causas.

“Mulheres que Lutam” resgata ainda as lembranças das primeiras-damas de Itatiba, desde 1917, até os dias de hoje, com a presidente do Fundo Social e primeira-dama, Mayara Lopes de Oliveira.

“São histórias que nos inspiram diariamente. A gente pega o exemplo de cada primeira-dama, de cada trabalho no Fundo Social de Solidariedade, e tem o olhar de inspiração e sempre coloca o nosso trabalho, com nossas características. É o fundamental. Acrescentar pra que a gente possa sempre somar”, comentou a primeira-dama Mayara.

O trabalho do resgate histórico foi realizado pelo Fundo Social, com colaboração da encarregada pelo Arquivo Municipal, a historiadora Lucimara Rasmussem.

As homenageadas que foram fotografadas, compareceram à abertura da exposição e receberam homenagens das mãos da primeira-dama e também do prefeito Douglas Augusto Pinheiro de Oliveira.

“Essa mostra incentiva todos os itatibenses a conhecerem o trabalho realizado pelo Fundo Social e pelas entidades filantrópicas da nossa cidade, que nas mais diversas áreas atuam de uma forma muito importante na assistência social, na saúde, em prol dos itatibenses”, explicou o prefeito Douglas.

Durante o evento, a irmã de Irene, Ana Maria de Araujo Pires de Camargo também recebeu homenagem e deixou suas palavras de agradecimento ao povo itatibense e de homenagens à irmã.

A mostra segue aberta para visitação até o dia 31 de março.

Irene Araújo de Camargo Pires Fumach

Como primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Dona Irene teve intenso trabalho, criando programas para a melhor idade, de coleta seletiva, campanhas beneficentes como do: Agasalho e de arrecadação de alimentos, festas de São Pedro e San Gennaro, com as entidades assistenciais do município, criação do Conselho de Assistência Social do Município, projetos de geração de renda, além de trabalhar na implantação da Lei Orgânica de Assistência Social.

Foi professora em diversas escolas do município como a Escola Municipal do Bairro dos Pires, da Tapera Grande, Escola Estadual do Bairro dos Pintos, EMEF Anna Abreu, EMEF Coronel Júlio Cesar e a Escola Estadual do Bairro Bandeiras, em Bom Jesus de Pirapora. Também foi diretora da EMEF Maria Gemma Rela Reinaldo.

Foi casada com o ex-prefeito e atual vice-prefeito José Roberto Fumach, com quem teve os filhos José Roberto Júnior, Luciana e Bruno. Também foi vereadora por 3 mandatos (2001-2012), tendo sido também conselheira do CDMCA. Presidente da ONG Visar, da Associação Protetora dos Animais, do Conselho de Assistência Social do Município de Itatiba e Diretora do Grêmio Cívico e Recreativo Itatibense.