PM prende amásio que agredia mulher com canivete

Os policiais militares de Itupeva, sargento Silvio e soldados Augusto e Maciel prenderam um amásio de 34 anos por agredir mulher de 66 anos, na Estrada do Quilombo, bairro Monte Serrat.

Essa é a quarta prisão de homem que agride mulher ou faz ameaça, no mês, na cidade. A equipe do delegado Adalberto Ceolin tem mandado para a Cadeia os agressores ou quem não cumpre Medida Restritiva.

Era por volta das 22 horas quando a equipe foi acionada para ocorrência de briga entre casal. A informação passada ao 190 dava conta que um homem permanecia armado com faca agredindo fisicamente sua amásia.

Na chegada da viatura, a porta da casa encontrava-se fechada com uma corrente e cadeado.

Depois de um breve diálogo o agressor abriu a porta e foi submetido à busca pessoal.

A mulher, M.J.R.P, de 66 anos, estava muito assustada e machucada. Havia lesões por todo o corpo, desde mãos, costas, pescoço e braços.

A vítima relatou que há dois dias vinha sofrendo agressões física do seu amásio, de nome J.L.G.A, de 34 anos.

Segundo os policiais ele tem inúmeras passagens criminais, dentre elas roubo, furto, dano, tentativa de furto, e é usuário de drogas e bebidas alcoólicas.

Na vistoria domiciliar foi localizado um canivete, este utilizado para golpear a vítima.

Motivação do crime

Segundo relatos da idosa o agressor estava lhe agredindo porque queria dinheiro, pois atualmente não está trabalhando.

Relatou também que se não fosse o rápido atendimento da Polícia Militar, provavelmente o infrator iria matá-lá, pois por várias vezes golpeou com o canivete em seu pescoço, que no ato covarde dona M. tentou se defender, vindo a lesionar sua mão com um profundo corte.

O agressor confessou o crime para os policiais ali presentes.

Dada voz de prisão em flagrante delito e lido seus direitos constitucionais, o amásio foi algemado e predo.

Dona M. foi socorrida pela equipe até o hospital de Itupeva, sendo que os médicos constataram várias lesões por todo o corpo.

Ocorrência apresentada na Delegacia de Itupeva na madrugada desta sexta-feira (15) . O delegado determinou indiciamento do autor por violência doméstica com base na Lei Maria da Penha e prisão ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista.