Polícia procura responsáveis por divulgarem fotos de Nicolly

A delegada da Delegacia da Mulher, Renata Yumi Ono, determinou a investigação para apurar quem foi responsável pela divulgação de fotos da jovem Nicolly Guimarães Sapucci, de 22 anos, morta pelo companheiro no último domingo (27) no interior do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Jundiaí.

Fotos e vídeos do corpo da jovem após o crime foram divulgadas por meio do WhatsApp, aumentando ainda mais a dor dos familiares.

De acordo com a delegada a divulgação e compartilhamento dessas imagens é crime. Os responsáveis serão indiciados.

Saiba mais do caso da morte da jovem Nicolly