Mulher denuncia motorista por estupro

Uma moradora de Jundiaí prestou queixa na Polícia Civil de crime de estupro. Ela informa que esteve em uma casa de eventos com um grupo de amigas. Na hora de ir embora solicitou pelo aplicativo um transporte até a sua casa e, voltou sozinha no carro. No meio do caminho o condutor passou a assediá-la, colocando a mão sob a sua saia. Ela ficou revoltada e mandou ele parar o carro para descer. Mas ele insistiu que a levaria para o destino combinado.

Ao chegar próximo de sua casa o motorista parou o carro e obrigou a fazer sexo, mediante força física.

No final a vítima desceu chorando e pediu socorro na rua. O motorista do veículo foi embora.

A vítima apresentou na Delegacia de Polícia Civil o telefone celular com os registros do autor do crime.

O caso será encaminhado para a equipe da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), que exigirá da operadora a apresentação dos dados do motorista.

No ano passado, na área do 2º Distrito de Jundiaí, uma outra moça também registrou boletim de ocorrência de que foi “molestada” por motorista de aplicativo. Mas ela conseguiu fugir.