Atualização de cadastro de imóveis causa diferença no IPTU de Jarinu

A Secretaria de Finanças de Jarinu esclarece que não houve aumento no IPTU 2019. De acordo com o setor, neste ano, o reajuste inflacionário foi de 4%, medido pelo Índice Nacional de Preço ao Consumidor – INPC/IBGE, verificado de novembro de 2017 a outubro de 2018. Porém, houve uma atualização cadastral de todos os imóveis, por meio da tecnologia de georreferenciamento (que faz levantamento através de imagens aéreas), sendo detectadas construções que não estavam com a metragem correta, pois o proprietário do imóvel não havia feito à atualização devida na planta, e na Prefeitura, causando – para ele – a diferença entre o valor do IPTU do ano anterior e deste ano.

A orientação é que o morador verifique no carnê a área construída e de terreno. Após a comparação entre os números de 2018 e 2019, da área construída. Caso seja detectado algum erro, o munícipe deverá procurar a Prefeitura solicitando a revisão do cálculo do IPTU 2019. A Secretaria destaca, ainda, ao proprietário do imóvel que os servidores municipais estarão à disposição para esclarecimento, e até mesmo – caso não haja concordância, o fiscal será enviado para conferência junto com o responsável.

“Muitas vezes o dono do terreno constrói uma casa e paga o IPTU apenas do terreno por que não veio à Prefeitura para fazer sua atualização cadastral. Agora, com a metragem atualizada ele perceberá que o imóvel, que antes não era computado, estará no IPTU”, explicou Marilsa Lorencini, secretária de Finanças.

CARNÊS

Os quase 20 mil carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU, Imposto Sobre Serviço – ISS e Alvarás já foram distribuídos pelos Correios ou diretamente no balcão de atendimento do Paço Municipal de Jarinu desde o dia 07 de Janeiro, e já podem ser pagos.

O contribuinte poderá optar por duas formas de pagamento. A primeira delas em parcela única, que assegura um desconto de 10% no valor total do Imposto para pagamento até 08 de fevereiro. Quem preferir, também pode parcelar o pagamento do IPTU em até 11 vezes. O carnê do IPTU pode ser pago nas redes bancárias da Caixa Econômica Federal, Itaú, Bradesco, Sicredi e do Banco do Brasil, além das casas lotéricas e agências dos Correios.

Caso os Correios não entregue a tempo, o contribuinte poderá solicitar a segunda via escrevendo para o Setor de Tributos ([email protected]), ou comparecer ao Paço Municipal, das 9h às 16h para retirar o boleto.

ISS E ALVARÁ (TAXAS)

O Alvará poderá ser pago com cota única até o dia 11 de fevereiro ou em quatro parcelas a partir da mesma data. O ISS também conta com uma cota única ou 12 parcelas referente ao exercício de 2019.