EVASÃO: Passageiros relatam que ficaram com medo

Passageiros do carro 1929, que fazia a linha do Parque da Cidade, na tarde de sábado (12), em Jundiaí, relatam que ficaram com medo do grupo de jovens que tentava entrar pela janela e, dos que forçaram a porta traseira, querendo que o motorista abrisse à todo custo.

Uma leitora relatou que foram momentos de tensão. “Os adolescentes estavam em grupo degradando o patrimônio público e invadindo o ônibus 1929 pela janela para não ter que pagar a passagem. Os munícipes que estavam presentes ficaram totalmente amedrontados com a massa de adolescentes e com o tumulto”.

Um motorista que enviou foto compartilhada nas redes sociais pelos próprios adolescentes disse que o problema ocorre inclusive aos domingos, quando a tarifa custa apenas R$ 1,00 ( no primeiro e terceiro domingo de cada mês).

O delegado da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Luiz Carlos Duarte, disse que é crime a evasão e se os jovens forem identificados, serão indiciados e processados.

A empresa de ônibus vai fornecer as gravações internas para a Polícia Civil nesta segunda-feira (14).

Muitos passageiros condenaram os atos frequentes de vandalismo nos ônibus. Terminais de USB para carregamento de celulares estão sendo destruídos. Os elevadores para subida de deficientes sempre apresentam problemas porque os vândalos danificam os equipamentos e até as janelas de emergência são arrancadas durante as viagens, obrigando a retirada dos veículos de circulação.

As empresas, que investiram em 70 ônibus novos, pedem ajuda da população para fiscalizar quem pratica atos de vandalismo, denunciando imediatamente no telefone 153 da Guarda Municipal as irregularidades.