Parede da UPA de Várzea tem rachaduras

Um leitor do “Jornal da Região” pede para a Prefeitura de Várzea Paulista medidas urgentes para solucionar problemas de rachaduras nas paredes da Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Até uma coluna na laje teve de ser escorada por tronco de madeira. Ele disse que está preocupado.

A Prefeitura da cidade informa que já tem conhecimento do problema e acionou a equipe técnica para avaliar as causas e o que será feito.

O terreno onde a UPA foi construída sofreu nos últimos anos “deslocamentos” ou “acomodações”.

A Prefeitura informa que, à princípio, as rachaduras causam mais impacto “estético”, mas os frequentadores não vão sofrer nenhum prejuízo para os reparos, já que a área é de pouco uso.

A obra do prédio foi realizada por gestão anterior, que teve aprovação do Governo que estava no comando do município, diz a atual gestão.

Quanto a elevador parado, a Prefeitura informa que nem chegou a ser colocado em funcionamento, porque o projeto era de construir uma maternidade no andar superior.

Foto: POP TV