Moradores de Várzea pedem CEI da UPA

Vários grupos de moradores da cidade de Várzea Paulista distribuíram nas redes sociais pedidos para que a Câmara Municipal abra uma Comissão Especial de Investigação (CEI) para apurar denúncias de diretor da empresa Vitale, que administra a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

O diretor Paulo Câmara disse ao Ministério Público que pagou propina para agentes públicos da Prefeitura de Várzea Paulista.

O grupo SOS Saúde de Várzea Paulista quer investigação dos fatos e afastamento dos agentes públicos e, convoca a população para manifestação na Câmara nesta terça-feira (10), às 19 horas.

Segundo a Prefeitura não há indícios de irregularidades no contrato da UPA.