Queda de energia deixa parte de Jundiaí no escuro

Um apagão, por volta das 20 horas, deixou parte de Jundiaí no escuro. Ás 21 horas a CPFL informou que 100% das residências tinham o serviço restabelecido e está apurando as causas.

Leitores do “Jornal da Região” relataram que ficaram sem energia elétrica nos bairros do Retiro, das Hortênsias, rua do Retiro, Vila Alvorada, Aeroporto, Vila Rio Branco, Vila Municipal, Torres de São José, Vista Alegre, Vila Hortolândia, Unip, Vila Rio Branco, Parque Centenário, Parque Cecap, Maxi Shopping e muitos condomínios.

A CPFL informou que suas equipes estavam nas ruas, tentando solucionar o problema. Para quem possuí o aplicativo da companhia, a empresa informou que a energia seria restabelecida por volta das 23h30.

Motoristas relataram problemas em semáforos de várias avenidas.

No Maxi Shopping lojistas fecharam as portas e os restaurantes da Praça de Alimentação suspenderam as atividades.

 

Condomínios de Jundiaí todos no escuro. Fotos de Ana Sousa]

 

DOMINGO

Apagão atinge parte de JundiaíO jornalista Fernando Crus enviou vídeo do Maxi Shopping, na noite deste domingo (02), depois de um apagão que atingiu parte de Jundiaí. A CPFL informou que está apurando as causas e suas equipes estão nas ruas para solucionar o problema. Foram afetados bairros desde a Vila Rio Branco até o Retiro, em Jundiaí.

Posted by Jornal da Região on Sunday, December 2, 2018

Vídeo de Fernando Crus do Maxi Shopping

 

 

DOMINGO

Shopping e bairros de Jundiaí sofrem apagãoParte de Jundiaí ficou sem energia na noite deste domingo (02). O Maxi Shopping, que estava lotado, acionou os geradores e as lojas fecharam as portas. O jornalista Fernando Crus enviou vídeo. Leitores relataram falta de energia elétrica nos bairros do Retiro, rua do Retiro, condomínios da região, Vila Guarani, Torres de São José, Horto Florestal e Vila Rio Branco.

Posted by Jornal da Região on Sunday, December 2, 2018

Vídeo de Fernando Crus, do momento em que houve apagão no Maxi Shopping

 

A CPFL diz que está investindo R$ 16 milhões na melhoria do sistema de abastecimento de energia em Jundiaí, neste ano.

A CPFL Piratininga, distribuidora da CPFL Energia que atende 1,7 milhão de clientes em 27 municípios no litoral e interior paulista, investiu R$ 16 milhões na modernização, manutenção e expansão do sistema elétrico na cidade de Jundiaí, entre janeiro e setembro de 2018. O aporte tem como objetivo aumentar o nível de conforto e qualidade do serviço oferecido aos 191 mil consumidores da concessionária no município.

Do total investido entre janeiro e setembro deste ano na cidade de Jundiaí, R$ 630 mil foram aplicados em ligação de novos consumidores nas áreas urbana e rural, por meio da ampliação da rede elétrica e da instalação de novos medidores. Isso possibilitou o acréscimo de 3,317 mil novos clientes na base de consumidores residenciais, comerciais e industriais da CPFL Piratininga no município.

Para suportar o crescimento do mercado e garantir a qualidade dos serviços, a distribuidora também investiu R$ 6,4 milhões em ampliação da capacidade de subestações e linhas de transmissão, além da adequação de capacidade da rede de distribuição. Esses investimentos contribuem para tornar o sistema elétrico da CPFL Piratininga mais flexível e robusto, aumentando a confiabilidade no fornecimento de energia.

Jundiaí recebeu ainda R$ 6,4 milhões em ações de manutenção e melhorias na rede elétrica da cidade. Em manutenção, foi destinado R$ 1,3 milhão, ao passo que os aportes em melhorias nas redes primária (instalação do spacer cable) e secundária (colocação de cabos multiplexados) e na instalação de novos equipamentos somaram R$ 5,1 milhões. Esses novos cabos são mais robustos e resistentes, minimizando os desligamentos, por exemplo, pelo toque de galhos de árvores.

A CPFL Piratininga segue investindo no desenvolvimento de projetos especiais, que consistem em planos de modernização das redes de Transmissão e Distribuição e em projetos focados em Smart Grid (redes inteligentes). Para essas ações, a distribuidora dedicou em torno de R$ 2,4 milhões para o município.

“A CPFL Piratininga trabalha continuamente para oferecer excelência na prestação do serviço, qualidade no fornecimento de energia e segurança aos seus consumidores, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico dos municípios de sua área de concessão, em especial para a importante cidade de Jundiaí. O Grupo CPFL está presente na vida seus clientes o tempo todo e investe em infraestrutura para levar a melhor qualidade no fornecimento de energia elétrica do País”, afirma o presidente da distribuidora, Carlos Zamboni Neto.