Governo Federal realiza operação contra tráfico em Jundiaí

O Governo Federal realizou, em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, o primeiro dia de ação da operação “Anjos da Lei” e apreendeu, no Jardim São Camilo, em Jundiaí, quatro mil pinos de crack, que estavam enterrados próximos de duas escolas. Na operação a Polícia da Capital trouxe cães farejadores para as buscas.

A operação Anjos da Lei, que combate o tráfico de drogas na proximidade de escolas ou dentro delas, deteve 166 pessoas até o meio da tarde, segundo balanço parcial divulgado pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo.

A operação é coordenada pelo Conselho dos Chefes de Polícia Civil, como o delegado Geral, Paulo Bicudo, que anunciou os resultados da operação junto com o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. A operação conta com a participação de todos os estados do país e Distrito Federal. Das 166 pessoas detidas, 29 eram foragidos; 74 foram presos em flagrante; 42, por mandado; e 21 adolescentes foram apreendidos.

Também foram apreendidos sete veículos, 16 armas, 24 celulares, 14 aparelhos eletrônicos, R$ 8,4 mil, 715 gramas de maconha, 321 de cocaína 678 de crack, e quatro unidades de ecstasy.

“Esse tipo de tráfico é extremamente doloso porque, além de ter a questão das drogas tem também a questão da infância, tem a questão da juventude. Toda sociedade é alcançada por esse tipo de atividade criminosa e dolosa nas proximidades das escolas. Isso afeta não são os nossos jovens, mas todo o nosso futuro”, destacou o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann.

Em São Paulo, participam cerca de mil policiais dos departamentos do Interior (Deinter), do Departamento da Grande São Paulo (Demacro) e da Capital (Decap).

(Com informações da Agência Brasil)