Impostômetro da ACE registra R$ 1,7 trilhão nesta segunda

O Impostômetro da Associação Comercial Empresarial de Jundiaí (ACE Jundiaí) atinge a marca de R$ 1,7 trilhão na noite desta segunda-feira (24). O valor representa o total de impostos, taxas e contribuições e multas que a população brasileira já pagou aos governos municipal, estadual e federal desde o início do ano.

No ano passado, o valor de R$ 1,7 trilhão foi atingido em 18/10, ou seja, 24 dias depois. “A arrecadação está subindo mais rapidamente em função dos royalties do petróleo e do aumento de preço dos combustíveis e da energia elétrica, que têm cargas mais elevadas. O Brasil já tem uma das maiores incidências tributárias do planeta, por isso o próximo presidente não pode escolher o caminho do aumento ou da criação de impostos”, comenta Marcel Solimeo, economista da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

Ele ressalta que, mesmo com tanto dinheiro arrecadado, ainda faltam mais de R$ 100 bilhões para fechar o orçamento de 2018. Para Solimeo, “o teto dos gastos precisa ser mantido de forma que as contas públicas sigam sob controle e não desestabilizem a economia”.

Por fim, Solimeo reforça que o consumidor ― que é quem mais contribui com os impostos ― precisa pensar como eleitor no dia 7/10 e avaliar os candidatos, evitando os que tenham planos de gastos mirabolantes, que podem inclusive gerar novas elevações tributárias ou aumento de juros para financiar o déficit.

Em Jundiaí a arrecadação atingiu R$ 506 milhões, 10% a mais do que no mesmo período de 2017. O presidente da ACE Jundiaí, Elton Monteiro, reforça que a elevação de gastos públicos não vem só com o executivo. “Para quem não quer pagar mais imposto, é importante votar em deputados e senadores que defendam as reformas estruturais e o enxugamento da máquina pública para o equilíbrio das contas e retomada dos investimentos.”

O painel do Impostômetro da Associação Comercial de Jundiaí foi inaugurado em julho deste ano, na fachada do Palácio do Comércio, prédio onde está localizada a sede da ACE (rua Rangel Pestana, 533).