Medicina de Jundiaí fecha parceria com Harvard

A Faculdade de Medicina de Jundiaí, por meio do Prof. Dr. Ivan Aprahamian, acaba de fechar acordo de colaboração científica e acadêmica com um dos oito hospitais escolas da Faculdade de Medicina de Harvard, o Cambridge Health Alliance.

Cambridge Health Alliance é um complexo hospitalar que fica a 500 metros da Universidade de Harvard, em Boston, no estado de Massachusetts. O acordo foi firmado com o Prof. Dr. Jason Strauss, do Departamento de Psiquiatria Geriátrica da Harvard Medical School e teve a participação também do médico brasileiro e professor colaborador da FMJ, Dr. Sivan Mauer, colega do Dr. Ivan.

O acordo consiste no intercâmbio de alunos, residentes ou professores da FMJ que tenham interesse em aprofundar-se academicamente ou cientificamente, a princípio, nas áreas de Geriatria ou Psiquiatria Geriátrica.

“No futuro existe a possibilidade de expandir esse acordo para outros Departamentos da Faculdade de Medicina de Jundiaí e da Harvard Medical School (HMS). Estou honrado e feliz por ter conseguido esse acordo para a FMJ. É inédito o convênio com a maior e mais bem conceituada faculdade de medicina do mundo e será um marco para nossa história”, comenta com entusiasmo o Prof. Ivan.

Para entendermos a complexidade deste convênio, hoje a fila de espera média é de três anos para um estágio dentro de Harvard. O fato dos professores, Ivan e Sivan, terem vínculo com a HMS facilitou demais esse intercâmbio.

Na noite do dia 20 de junho, em reunião do CTA (Conselho Técnico Administrativo) da FMJ, o professor americano, Jason Strauss, se tornou oficialmente professor colaborador da instituição. Ainda sobre o acordo, Prof. Ivan afirma que o critério de seleção para realizar intercâmbio será bem rigoroso. “Será necessária qualificação técnica, o candidato passará por uma entrevista em inglês, além de outros testes que inclui analise de currículo. Temos que ser bem criteriosos, pois temos que apresentar nossos melhores alunos na universidade mais famosa do mundo. A HMS é exigente e criteriosa na seleção dos estagiários”.

“Meu sonho é possibilitar aos nossos alunos a oportunidade que tive no passado de estudar na instituição, facilitando o ingresso de nossos acadêmicos e com muito mais respaldo do que tive há mais de 10 anos atrás”, finaliza Prof. Ivan.