Pais assistem à aula e aprovam inglês na Educação Infantil

A aula de inglês da escola municipal Professor Carlos Foot Guimarães, no bairro Santa Gertrudes, contou com uma participação especial, na manhã desta segunda-feira (21). Pais de alunos participaram, com o intuito de conhecer a proposta implantada pelo programa Escola Inovadora, da Unidade de Gestão de Educação (UGE). Desde o início do ano, cerca de oito mil estudantes dos grupos 4 e 5 do Sistema Municipal de Ensino contam com o ensino da língua inglesa no currículo.

Ministrada pela professora Kellen Teles, a aula para o G5 contou com música, brincadeiras, com os personagens que auxiliam os alunos a aprenderem a segunda língua e também com a animação e dedicação das crianças, que mostraram o quanto já assimilaram em pouco tempo. “Gostei muito do que vi. Foi uma aula maravilhosa e que me surpreendeu. Meu filho chega sempre empolgado e falando muito. Agora entendo bem o motivo”, comentou Graziele Liberato, mãe do Maick, de seis anos.

De acordo com a diretora da Emeb, Raquel Santos, a ideia é mostrar aos pais como está sendo a experiência com o inglês para a Educação Infantil na escola. “Todos tinham muita curiosidade, por ser uma novidade para esse grupo. Então, fizemos o convite para virem assistir e conhecer como é o trabalho. As atividades são planejadas, pensando e respeitando a faixa etária, e misturando música, arte e agregando diversos conhecimentos. Sem dúvidas, a Unidade de Gestão de Educação está oportunizando aos alunos da Educação Infantil o que as escolas privadas já tinham”, explicou.

A gestora de Educação, Vastí Ferrari Marques, que também prestigiou a aula, destacou que a ação está em linha com a proposta da gestão do prefeito Luiz Fernando Machado de oferecer inovações no ambiente escolar. “O inglês para a Educação Infantil veio para ficar. Não se trata de uma tendência, mas de uma área de conhecimento importante. Entendemos que o conhecimento de uma segunda língua é importante tanto pensando no futuro, na empregabilidade, como para o crescimento cultural das crianças. Hoje, o inglês está no computado, nos jogos, na televisão. Desde pequenos, as crianças devem ser estimuladas e se familiarizar com a língua inglesa.”

Para ofertar a novidade, foram contratados 37 professores. O material usado é da Oxford.

O programa Escola Inovadora, constituído pela atual gestão, tem entre os seus pilares, a valorização dos educadores, o investimento na aprendizagem dos alunos e nas estruturas físicas das escolas.