Defensores de Lula fazem ações em várias cidades

As polícias e guardas municipais de várias cidades no País estão tendo bastante trabalho neste domingo (08), um dia após a prisão do ex-presidente Lula, porque seguidores do sindicalista estão promovendo pichações, fixação de faixas e cartazes e outras ações, algumas classificadas de ódio.

Em Piracicaba um dos monumentos do município amanheceu pichado com a frase “Lula Livre”.

Em Americana a Guarda Municipal apreendeu faixa fixada em viaduto.

Em Campinas há grupos de apoiadores de Lula convocando pelas redes sociais os simpatizantes para o fechamento de rodovias às 18 horas.

Na Internet algumas pessoas que compartilharam mensagens contra o ex-presidente passaram a ser atacadas e até chegaram a apagar perfil pessoal do Facebook após receberem ameaças.

Uma leitora escreveu: “não posso mais dar minha opinião? Pra que tanto ódio?”.

Um servidor público disse: “agora sei quem é meu amigo de verdade. Incrível o que é a cabeça de algumas pessoas, que preferem perder amizade de muitos anos, nessa hora”, em defesa do Lula.

Foto: Guarda Municipal de Americana