Prefeitura quer homenagear morador de rua

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Semads) de Jundiaí procura o morador de rua que ajudou na tentativa de salvamento de Evandro Tucci, de 40 anos, que morreu no último domingo (13), ao sofrer parada cardíaca e cair com o carro na fonte da rotatória do JundiaíShopping. A instituição está procurando pelo homem que pulou nas águas para ajudar a retirar o publicitário do carro, que estava com a esposa no veículo.

“Queremos prestar uma homenagem ao morador de rua e mostrar para a sociedade que essas pessoas têm valor”, comentou uma funcionária da Prefeitura de Jundiaí.

A esposa de Evandro Tucci, Miriam, disse que pediu ajuda ao morador de rua para retirar o marido do carro e populares ligaram para o Corpo de Bombeiros e para o SAMU.

Nesta segunda-feira, data em que Evandro foi sepultado no Cemitério Parque dos Ipês, muitos amigos compareceram ao Velório.

Um morador do Jardim Bonfiglioli, Luiz, relata que viu o carro caindo na fonte. Ele disse que correu para ajudar, junto com o morador de rua, que é um “japonês”. Cada um pegou em um dos braços de Evandro para retirá-lo das águas. Depois começaram a aparecer várias pessoas. Algumas não quiseram ajudar. Mas uma médica parou e começou a realizar massagem cardíaca.

Luiz disse que os bombeiros foram os primeiros a chegar e depois o SAMU, com o médico utilizando desfibrilador. Luiz comentou que foi muito triste e não dormiu à noite inteira, pensando no que viu.

No Facebook foram centenas de mensagens e amigos lembrando de Evandro Tucci.

O publicitário era uma pessoa de visão, gostava de fazer planos para o futuro e valorizava muito a família.