Oficina do PDUI será realizada em 25 de agosto

A reunião realizada segunda-feira (31) entre os integrantes do Conselho do Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ), no Paço Municipal, definiu para o próximo dia 25, sexta-feira, a realização de oficina do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI). O encontro, organizado pela Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano SA (Emplasa), será aberto à sociedade para debate de temas relevantes aos sete municípios que fazem parte do grupo.

Para que seja feita a compilação dos eixos que determinarão os trabalhos da oficina, cada administração deve entregar, até o dia 10, dados sobre a cidade.  As informações, segundo Braúlio Bracero, coordenador técnico do PDUI-AUJ, nortearão os técnicos da Emplasa no desenvolvimento dos grupos temáticos da oficina. “Os interessados em participar devem se inscrever no dia, antes do início do debate, indicando qual o assunto de maior interesse. Na sequência, será feita apresentação geral. Serão quatro eixos analisados – desenvolvimento econômico, mobilidade, saneamento e atendimento social -. O final do dia será de apresentação dos trabalhos. Desta forma todos os participantes terão conhecimento das informações”, comenta Braúlio Bracero, coordenador técnico do PDUI-AUJ.

Para o gestor da Unidade de Gestão de Planejamento e Meio Ambiente (UGPUMA), Sinésio Scarabello, os trabalhos serão intensificados. “O PDUI foi prejudicado no ano passado por conta da eleição. Agora os trabalhos estão em andamento. Há situações como segurança e assistência social que os municípios já se conversam. Qualquer pactuação feita é favorável para a solução conjunta, por isso, a participação da sociedade na oficina e nos grupos de trabalho é importante”, aponta.

Os resultados da oficina serão validados e apresentados à sociedade numa plataforma específica para o plano do AUJ, no site www.pdui.sp.gov.br. No mesmo endereço, serão abertas as inscrições para interessados em ingressar nos grupos de trabalho. Ainda não há data para a abertura das inscrições. Somente após a consolidação das propostas, ratificação pelo Conselho Técnico e elaboração de projeto de lei, é que será encaminhado à Assembleia Legislativa. O prazo para encerramento é janeiro de 2018.