Atletas do extinto basquete do Divino pedem apoio na Câmara

Atletas do projeto de basquete do Colégio Divino Salvador, que tiveram o patrocínio da instituição de ensino encerrado no último dia 30, estiveram, nesta terça-feira (04), no ‘plenarinho’ da Câmara de Jundiaí, a fim de sensibilizar vereadores para o acesso a novos apoiadores e parceiros.

Acompanhadas da equipe técnica do projeto, elas foram ouvidas pelos membros da Comissão de Esportes da Casa de Leis, além de outros parlamentares, também convidados, e acompanharam parte da sessão.

O gestor de Esportes da Prefeitura de Jundiaí, Luiz Trientini, também esteve presente na reunião. De modo geral, o técnico das atletas, Luiz Claudio Tarallo, apresentou a situação do grupo aos vereadores. “Não é só uma perda do patrimônio esportivo da cidade. Temos também o lado humano da atenção que não será dada a essas meninas”, disse, já que muitas atletas recebem bolsa de estudo por participarem do projeto, entre outros direitos, que poderão ser perdidos caso não haja novo apoio para continuidade.

“A vinda das atletas à Câmara é muito importante. Pudemos ouvir detalhes da situação do projeto e, assim, mostrar a necessidade para que outros possíveis apoiadores percebam este potencial. Nossa atuação, infelizmente, é limitada, mas podemos ajudar a persuadir”, afirmou o presidente da Comissão de Esportes na Câmara, Faouaz Taha (PSDB).

De modo geral, os vereadores entraram em consenso para que possam tentar ‘abrir portas’ e contatos de possíveis novos parceiros ao time. O gestor Trientini reforçou o apoio e amparo já oferecidos pela Prefeitura de Jundiaí ao projeto e também sugeriu abertura da parte dos vereadores por novos patrocinadores, já que não há, por lei, verba parlamentar que possa ser oferecida, conforme esclareceu também o presidente da Câmara, Gustavo Martinelli (PSDB). Cristiano Lopes (PSD) sugeriu conversa com o prefeito para também possibilitar a sensibilização de empresas que se interessem em ajudar. Ainda compareceram os vereadores Dika Xique-Xique (PR), Leandro Palmarini (PV), Irmão da Lojinha (PMDB), Douglas Medeiros (PP), Cícero da Saúde (PROS), Antonio Carlos Albino (PSB) e assessoria de Arnaldo da Farmácia (PDT).

%d blogueiros gostam disto: