TVE: adolescentes vão produzir audiovisual

A Fundação Televisão Educativa de Jundiaí apresentou, nesta sexta-feira (30),  a Oficina de Produção Audiovisual que será oferecida para 40 adolescentes e jovens da Associação Cristã em Defesa da Cidadania, do bairro Morada das Vinhas. A ideia do projeto é estimular, incentivar e envolver os participantes na produção audiovisual de gêneros e formatos jornalísticos e documentários.

Na apresentação, o prefeito Luiz Fernando Machado destacou que o projeto está em linha com o compromisso assumido pela gestão de fazer um bom uso da TV Educativa. “A oficina é o primeiro passo para alcançarmos a nossa meta de consolidar a participação da comunidade na TVE. Esta é uma oportunidade única e eu tenho certeza que ela será bem aproveitada pelos participantes”, afirmou.

O chefe do Executivo ressaltou, ainda, que os jovens e adolescentes da cidade terão todo o apoio da Prefeitura por meio de ações que promovam o desenvolvimento pessoal. “Acredito que a capacitação é uma importante ferramenta transformadora da realidade. Por isso, é nosso compromisso oferecer oportunidades especialmente a quem mais precisa”, disse Luiz Fernando.

A superintendente da TVE, Mônica Gropelo, lembrou que a meta é transformar a TV Educativa em uma referência nacional. “A Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas pretende usar o projeto como um case que será apresentado em todo o Brasil. Estamos muito felizes de poder concretizar esta oficina”, pontuou. O projeto foi concebido durante uma visita dos alunos da ACDC ao prefeito Luiz Fernando Machado, em fevereiro, no Paço Municipal.

O diretor da ACDC, João Valentim, agradeceu à Prefeitura pela preocupação em oferecer aos adolescentes e jovens mais carentes uma oportunidade única de aprendizado. “Tenho certeza de que a oficina vai contribuir muito para o nosso trabalho. Nos sentimos privilegiados por sermos os primeiros a participar de um projeto desta relevância”, disse.