Ford lança New Fiesta EcoBoost SEL

A Ford ampliou a linha do New Fiesta com o lançamento da versão EcoBoost SEL, com o preço de R$66.090 e um nível de equipamentos extremamente atraente no segmento. Lançando essa nova opção do hatch, a Ford cria mais uma faixa de mercado na categoria de veículos premium para quem busca um carro superequipado e com o premiado motor EcoBoost, eleito o motor internacional do ano pela sexta vez consecutiva.

Esta é a segunda novidade introduzida pela Ford este mês no New Fiesta, depois de apresentar a versão 1.6 SE Plus AT, que tornou mais acessível o modelo com câmbio automático, a partir de R$55.090.

“Com a nova versão EcoBoost SEL, oferecemos a tecnologia EcoBoost num novo patamar de preço, possibilitando maior acesso do consumidor brasileiro a esse modelo. É sempre interessante ressaltar que o Fiesta EcoBoost é, sem dúvida, um veículo inovador que traz sob o capô o motor turbo com potência de 125 cv e recordista de prêmios em todo o mundo”, diz Fernando Pfeiffer, gerente de Produto da Ford.

O motor EcoBoost combina vários avanços para oferecer o máximo de potência e economia em um bloco compacto de três cilindros. Com turbo, injeção direta de combustível e duplo comando variável de válvulas, faz 12,2 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada com gasolina.

O nível de competitividade do New Fiesta EcoBoost SEL é ressaltado pelo conjunto de equipamentos de série. Vem com rodas de liga leve de 15”, faróis de neblina, chave programável My Key, ar-condicionado digital e vidros elétricos com fechamento global. Inclui ainda itens como controle eletrônico de estabilidade e tração (AdvanceTrac), assistente de partida em rampa, sensor de estacionamento traseiro e sistema de conectividade SYNC com AppLink e Assistência de Emergência.

“Sem dúvida este modelo tem uma excelente relação de custo, com o preço final e vantagens que oferece no segmento. Junto com estes atributos funcionais, o Fiesta EcoBoost SEL se destaca pelo desempenho ágil e forte, proporcionado pela curva de torque ampla e plana que entrega 90% da força máxima em 1.500 rpm, com pico de 17,3 kgfm”, completa Pfeiffer.

%d blogueiros gostam disto: