Amanda e Erick morreram em acidente de moto

A equipe do delegado Rafael Casarin Penha, do 5º Distrito Policial de Jundiaí conseguiu identificar o casal que morreu na manhã desta sexta-feira (02) próximo da Coca-Cola, em acidente de moto, no bairro do Eloy Chaves.

O jovem Erick James de Lima, de 27 anos, pilotava uma moto Yamaha XT 660R quando bateu na traseira de um Logus, de Cajamar e tanto ele, quanto a garupa, Amanda Larissa Silvério Torres, de 21 anos, foram arremessados para o barranco da Marginal da Rodovia Bispo Dom Gabriel Paulino Bueno Couto.

Equipes do Corpo de Bombeiros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e da concessionária Rodovias das Colinas tentaram de tudo o que foi possível, para tentar salvar a vida dos dois.

O motorista do Logus comentou ao delegado Rafael Casarin Penha e investigadora Miriã, que só sentiu o impacto da moto na traseira do seu carro e que o trânsito no sentido do Centro da cidade estava lento. Testemunhas relataram a policiais rodoviários que o jovem motociclista estava fazendo “zigue-zague”, em alta velocidade, cortando os veículos no meio do trânsito.

O delegado Rafael Casarin pediu à equipe de investigadores que apure o caso. Nos pertences de Amanda foram encontrados 29 micro-pontos de LSD, uma droga de alto poder alucinógeno e de difícil apreensão por parte da Polícia.