Campinas adota Atestado Digital para evitar fraudes

Em cerimônia realizada na última segunda-feira, 29 de maio, a Prefeitura Municipal de Campinas anunciou o início da utilização do atestado médico digital no Hospital Municipal Dr. Mário Gatti. Fruto de parceria com a Associação Paulista de Medicina, o objetivo da iniciativa é combater a emissão de atestados médicos falsificados.

“A APM se sente honrada de participar desta parceria, que permitiu a implementação do atestado médico digital em Campinas. Tem sido uma das nossas preocupações constantes disponibilizar segurança nas informações aos médicos e à sociedade”, disse o presidente da APM, Florisval Meinão, durante o evento.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, também considera a parceria ótima, pois forneceu para o Mário Gatti 100 mil formulários médicos, que serão suficientes por três anos. Além disso, todos os médicos de Campinas terão o e-CPF. “Assim, poderemos separar os pacientes que realmente necessitam de um período de recuperação das pessoas que estão sendo desonestas. Até pelo momento político pelo qual o Brasil passa, temos que discutir essa questão e dar um basta, porque a pessoa que comete essa irregularidade prejudica todos”.

A utilização do serviço oferece benefícios tanto para os médicos quanto para os pacientes e seus empregadores. Aos médicos pois terão mais segurança na emissão de atestados com o uso de e-CPF. Ao emitir um atestado, eles receberão uma confirmação em seus smartphones, com a chamada assinatura digital. Já os empregadores poderão verificar a autenticidade das informações prestadas, uma vez que os atestados serão encaminhados para validação de seus conteúdos.

Marcos Eurípedes Pimenta, presidente do Hospital Mário Gatti, afirma que o sistema, amplamente testado, é consistente. “Estamos trazendo uma inovação tecnológica, que é também um processo de responsabilidade social. Os formulários de atestados médicos digitais oferecem mais segurança, veracidade e integridade a esses documentos, que estão sujeitos a fraude e comercialização na internet. No Mário Gatti, recebemos cerca de 10 solicitações semanais de validação de atestados. E, quando checamos, descobrimos que 30% deles são fraudados”, diz.

Para o secretário municipal de Saúde de Campinas, Carmino de Souza, a implementação dos atestados médicos digitais irá contribuir muito para a gestão da Saúde. “É um avanço extraordinário para nós que somos da área médica e sabemos da responsabilidade do profissional e da importância do atestado, que sempre teve essa fragilidade, mas que pode oferecer informações relevantes em vários campos de atuação, não só na área trabalhista. Será mais uma segurança, também em questão de rastreabilidade e agilidade, e uma série de elementos que são importantes na emissão e no controle dos atestados”, esclarece.

 

%d blogueiros gostam disto: