Mais uma mulher sofre sequestro relâmpago

Jundiaí registrou neste domingo (21) mais um sequestro relâmpago. É o terceiro caso em poucos dias. A vítima foi rendida no estacionamento do Atacadão, na Vila Liberdade.

No primeiro caso uma mulher foi sequestrada no Parque Eloy Chaves, depois de guardar compras no porta-malas do seu carro. Os bandidos levaram o veículo e rodaram com ela por várias horas, deixando-a próximo de um motel na divisa de Jundiaí com Louveira. Testemunhas acompanharam toda a ação e acionaram as polícias Militar, Civil e Guarda Municipal.

No segundo caso foi uma estudante da Faculdade Anhanguera, que ficou cerca de três horas em poder de marginais que também levaram o seu carro e tentaram realizar saques e empréstimos de sua conta corrente do Banco Itaú. O banco não autorizou os empréstimos e bloqueou a conta da cliente, que foi solta.

O terceiro caso ocorreu neste domingo. A vítima, de 45 anos, relatou que estava no Atacadão, quando foi rendida e colocada em um Corola, preto. Ela foi levada até Campo Limpo Paulista onde houve o encontro com um Ônix. Depois foi levada para Itupeva e lá foi solta. Um caminhoneiro a conduziu até o Plantão da Polícia Civil, na avenida Nove de Julho, em Jundiaí, para registrar a queixa.

Segundo a vítima ela ficou mais de três horas em poder dos desconhecidos. Ela acredita que tenha sido sequestrada a mando de uma mulher, já que não roubaram nada.