Jundiaí terá inscrição para doação de medula

No próximo sábado, dia 25, das 10 às 14 horas, a Associação de Medula Óssea de São Paulo realiza em Jundiaí a inscrição de pessoas interessadas em ser doadoras de medula óssea.

O trabalho será realizado na rua do Retiro, 680. Quem comparecer deve levar o RG, CPF e os números de duas pessoas conhecidas para contatos.

O telefone para mais detalhes é o (11) 2176-7000, no ramal 7249. O apoio é da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Como é

O processo da doação é feita em várias fases. A primeira fase é o cadastro. O doador procura o hemocentro, motivado por diversas razões, cadastra-se e coleta a amostra de sangue para fazer o exame de HLA. A amostra é armazenada no laboratório e o resultado do exame com as características genéticas do doador é enviado ao Registro Nacional.  Essa etapa pode durar até três meses, como é estabelecido pelo REDOME. Todos os exames dos doadores ficam em um banco de dados. Paralelo a isso, existe o REREME, o banco dos receptores, e todos os dias os resultados dos dois bancos são cruzados automaticamente através de um software especializado.

Se esse programa encontrar um doador compatível, o laboratório recebe uma solicitação do sistema pedindo a segunda fase. Nessa fase são feitas análises complementares do exame de HLA, como se fosse um exame mais detalhado. O laboratório faz esse exame a partir da amostra que já existe (desde que a amostra esteja em condições de ser usada), não sendo necessário coletar outra amostra de sangue. O resultado é enviado ao REDOME em até 15 dias.

Se o doador for compatível, idealmente entre 90% e 100%, é feito o pedido de exame confirmatório: a terceira fase. Nessa fase o doador é convocado a comparecer ao hemocentro no qual o cadastro foi feito para coletar uma nova amostra.  Esta é, obrigatoriamente, encaminhada para outro laboratório que realizará novo exame para confirmar a compatibilidade. Nesse momento é importantíssimo que o cadastro do doador esteja atualizado, pois o contato deve ser feito com rapidez. Muitas pessoas já sensibilizadas com a causa são perdidas nessa etapa por falta de dados atualizados.

Se os exames se confirmarem, o doador é encaminhado para uma consulta com a equipe do transplante.

%d blogueiros gostam disto: