Moça leva tiro de borracha durante dispersão

A jovem Flávia, de 20 anos, desmaiou após levar um tiro de borracha na testa, na noite de terça-feira, durante a dispersão do Carnaval da Vila Hortolândia.

A colega, Mônica, ficou assustada e disse que não concorda com a ação das polícias, mas também não concorda com a população que enfrentou os PMs e GMs com pedras, latas e garrafas.

Ela disse que não deu tempo para uma dispersão adequada e apareceram os policiais. Ela estava indo embora quando a amiga desapareceu. Ao procurar a amiga soube do que ocorreu e um rapaz a socorreu.

A Polícia Militar informou que houve a divulgação do encerramento do Carnaval às 19 horas. Quando os policiais chegaram foram recebidos com garrafas, pedras e outros objetos. Um homem armado foi detido pelos policiais e houve confronto provocado por foliões.