PM prende homem que matou a mulher

Soldados da Polícia Militar de Jundiaí prenderam, de madrugada, no Jardim Tamoio, Eduardo Paulo da Silva, de 31 anos, que matou com um Vectra, por atropelamento, a companheira Aline Cristina das Neves, de 36 anos.
 
Ela era frentista de um posto no bairro do Retiro. O casal brigava muito segundo os funcionários do posto. Ela aparecia sempre com ferimentos. Mas dava desculpas falando que tinha sido ferida pelo gato.
 
Nesta terça-feira, à tarde, ao sair de casa para ir ao trabalho teve nova briga. Na avenida João Antônio Mecatti, no Retiro, Eduardo atropelou a mulher. Depois que ela caiu no solo ele deu ré no carro e passou sobre o corpo novamente.
 
Como não tem parentes em Jundiaí, o corpo de Aline deve ser encaminhado para o Norte do País. Eduardo se escondeu embaixo da cama de uma casa e o dono ligou para a PM, que fez a prisão. Ele foi encaminhado para a Cadeia de Campo Limpo Paulista.