Chuva forte causa estragos em Jundiaí

Por Bárbara Leão

Quedas de árvores, inundações e falta de energia foram os principais problemas causados pela chuva que atingiu a cidade de Jundiaí na noite desta quinta-feira (20). Ela durou cerca de uma hora e meia.

A população também presenciou quedas de árvores, interdições de rodovias e intenso trânsito, muros e construções desabadas, casas destelhadas e acidentes.

No Centro de Jundiaí, a fachada do Shopping M que fica na Rua Coronel Leme da Fonseca desabou devido aos fortes ventos que acompanharam as chuvas. Duas pessoas ficaram feridas.

A Avenida Ferroviários,  Vila Arens, Rua 23 de Maio, ruas da Região da Sobam, Jardim Pitangueiras, Jardim Messina, viaduto da Via Anhanguera e outros ficaram alagadas. Além disso, um motociclista foi arrastado pelas águas atrás do Parque da Uva.

O trânsito ficou caótico por conta dos semáforos desregulados e apagados. O motivo foi uma descarga elétrica na rede da Prefeitura. Muitas famílias também ficaram no escuro, devido à queda de energia.

Moradores do Jardim Bonfliglioli foram impedidos de acessar seus apartamentos por causa da queda de uma grande árvore. A Rodovia Tancredo Neves e a Rua Vigário também ficaram interditadas pelas árvores nas duas pistas.

O trânsito para Itupeva ficou parado. Um acidente envolvendo uma 150 Bros e um Versa deixou o motociclista ferido na Rodovia Vice-Prefeito Hermengildo Tonoli, sentido Jundiaí – Itupeva, às 19h45. Equipes de resgate do Corpo de Bombeiros e do Departamento de Estradas de Rodagens (DER) foram para o local com o policiamento rodoviário.