Entidade está preocupada com alcoolismo na gravidez

A Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP), com apoio da Marjan Farma, lançou campanha na internet para conscientizar as mulheres da necessidade de informarem os médicos que bebem e fumam, durante a gravidez.

A instituução quer reduzir o índice da Síndrome Alcoólica Fetal, que atinge pelo menos 44% das grávidas.

E para piorar, 22,7% dos médicos pré-natalistas entrevistados aceitam a ingestão de até uma taça de vinho por gestante.

“Os dados obtidos apontam à necessidade de investirmos continuamente na ampla divulgação entre especialistas”, diz o presidente da Sociedade de Pediatria, Claudio Barsanti.
A Campanha #gravidezsemalcool conta com apoio institucional da Marjan Farma, com cooperação da SOGESP, Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, Academia Brasileira de Neurologia, Associação Paulista de Medicina e Associação Brasileira das Mulheres Médicas- Seção São Paulo. No Brasil não há dados oficiais sobre o problema.

%d blogueiros gostam disto: