Thiago Braz é Ouro no salto com vara

O terceiro sargento da Força Aérea Brasileira Thiago Braz presenteou a torcida do Engenhão na noite da última segunda-feira (15). O campeão mundial em salto com vara ultrapassou pela primeira vez na carreira a marca dos seis metros e conquistou a medalha de ouro, derrotando o então recordista mundial, o francês Renaud Lavillenie.

“Agradeço muito a Deus por tudo, por esse momento. É uma oportunidade incrível. As pessoas acreditaram em mim, estavam do meu lado me apoiando. Poder completar uma prova com recorde pessoal e recorde olímpico, ganhando medalha de ouro, é inexplicável”, comemorou o militar.

O saltador colocou o Brasil no pódio com uma modalidade que já foi representada em Olimpíadas por outros famosos militares. Em 1968, no México, e em 1972, em Munique, o taifeiro da Força Aérea Brasileira Nelson Prudêncio conquistou, respectivamente, a prata e o bronze no salto triplo.

Eternizado no esporte brasileiro como o “João do Pulo”, o cabo do Exército João Carlos de Oliveira também ganhou duas medalhas de bronze no salto triplo, em Montreal (1976) e Moscou (1980). Agora, nos Jogos Rio 2016, o sargento da FAB se junta à lista de famosos com o lugar mais alto do pódio.

Medalhas

O Brasil soma 10 medalhas, das quais oito foram obtidas por atletas que integram o Programa de Alto Rendimento das Forças Armadas.

Os medalhistas olímpicos são, até o momento, o sargento do Exército Felipe Wu (prata no tiro esportivo), sargentos da Marinha Rafaela Silva (ouro no judô) e Mayra Aguiar (bronze no judô), sargento do Exército Rafael Silva (bronze no judô), sargentos da Força Aérea Arthur Nory (bronze na ginástica artística), Arthur Zanetti (prata na ginástica artística) e Thiago Braz (ouro no atletismo) e a sargento do Exército Poliana Okimoto (bronze na maratona aquática).

Fotos:  Wander Roberto/Exemplus/COB

%d blogueiros gostam disto: