Homem mata a ex-mulher em escolinha de Jundiaí

Um homem invadiu uma escolinha infantil da Prefeitura de Jundiaí na tarde desta sexta-feira e matou com um tiro de revólver na cabeça a ex-mulher e depois se matou.

Edmilson José dos Santos chegou de moto na Escola Municipal Aparecida Bernardi do Amaral. Encostou o veículo na parede e subiu na moto, para pular o muro. Depois percorreu um corredor e encontrou a faxineira Patrícia Lucélia Basílio em frente da sala da diretora, disparando um tiro de revólver contra a mulher, que havia conseguido na Justiça uma medida protetiva para ele não se aproximar dela.

Depois de matar a mulher ele se matou.

A Prefeitura de Jundiaí emitiu o seguinte comunicado:

“A Guarda Municipal de Jundiaí informa que, dentro do patrulhamento diário e intensivo feito pelas equipes da Divisão Ronda Escolar, as viaturas se dirigiram até a Emeb Aparecida Bernardi do Amaral, no Morada das Vinhas, na tarde desta sexta-feira (1), onde um homem (EDMILSON JOSÉ DOS SANTOS) havia invadido a escola pela lateral e disparado contra uma funcionária (PATRICIA LUCÉLIA BASÍLIO) e depois contra si próprio, ação que provocou as mortes de ambos.

A Guarda Municipal explica que agiu de forma rápida e efetiva e prestou todo apoio aos funcionários e alunos da Emeb, com a intenção de preservar a integridade física e psicológica de todos.

A GM informa também que a escola nunca apresentou registros de violência, mas ainda assim a ronda costuma ocorrer ao menos quatro vezes ao dia. O caso desta sexta-feira foi típico de violência doméstica com desfecho trágico.

A Secretaria Municipal de Educação lamenta profundamente a fatalidade ocorrida, na tarde desta sexta-feira (1º), em uma unidade escolar. A pasta esclarece que foi surpreendida com a invasão, pois a escola possui segurança. Todas as providências foram tomadas de imediato. Os alunos não tiveram acesso ao local do ocorrido.

E acrescenta que vai disponibilizar apoio psicológico aos funcionários da Emeb. As aulas serão retomadas na próxima semana. ”

 

%d blogueiros gostam disto: